Python

Dividindo muitos polígonos em partes (quase) iguais por meio de um simples script no PyQGIS, o Console Python do QGIS

Seja qual for o seu geo-trabalho, você pode ter trabalhado com um polígono que precisava ser dividido ao meio, em três partes, em cinco partes (ou em cem partes, talvez?). Duas possíveis aplicações para estes polígonos divididos são o cálculo de estatísticas zonais e parcelamento do terreno (agricultura).

Desenhando quadrantes de círculos, setores circulares, anéis, e geometrias afins no QGIS

A camada de entrada deve ser um vetor do tipo ponto, na qual deve haver um ponto. As coordenadas deste ponto devem ser o centro do círculo (ou cunha, ou semicírculo...). A largura padrão do setor circular é 45°, ou seja, um oitavo de um círculo, e o azimute padrão da cunha é 0°. O raio externo (outer radius) é o que estamos acostumados a chamar simplesmente de raio de um círculo, e a variável do raio interno (inner radius) só será preenchida quando quisermos desenhar um anel ou geometria do tipo “donut”.

Salvando layers temporários no PyQGIS e trabalhando com eles dentro do QGIS

Desde então, venho salvando os arquivos gerados em layers temporários sempre que eles forem produtos intermediários, de natureza auxiliar ao processo principal que eu estou executando. Dessa forma, eles são excluídos automaticamente depois que eu sair do QGIS (ou ao reiniciar o computador), então não preciso me preocupar com eles depois de executar meu código. Bom, decidi fazer um post com um resumo de como eu salvo as saídas das ferramentas executadas no PyQGIS em camadas temporárias, caso isso venha a ser útil para alguém!

Resolvido: Python Console do QGIS 3.20 mostra um erro ao executar a ferramenta Clip Vector by Extent

ERROR 1: Attempt to write non-multipoint (POINT) geometry to multipoint shapefile. ERROR 1: Unable to write feature 0 from layer points_layer. ERROR 1: Terminating translation prematurely after failed translation of layer points_layer (use -skipfailures to skip errors)

Como trabalhar com dados grib2 no Python

Eu estou usando o pacote pygrib para abrir os arquivos. Em sua documentação, eles descrevem para duas maneiras de instalar o pygrib, usando pip ou conda. No entanto, só consegui fazer funcionar usando conda. Execute isso em seu prompt do Anaconda para instalar o pygrib

Resolvido: a nova versão do rasterio (1.0 ou superior) não está me deixando usar geotransformações do tipo GDAL

Esta semana, estou discutindo um erro que costumava ser um simples aviso (warning) no antigo rasterio - e eu ignorei. Aprendi a lição! Eu estava salvando rasters GeoTIFF, como eu sempre faço, mas em um ambiente Python atualizado (com o rasterio 1.2.6) quando obtive este erro.

Como abrir, editar e salvar arquivos raster (.tif) usando Python

Hoje, vou escrever sobre como abrir, editar e salvar arquivos raster usando Python, se você já estiver familiarizado com Python (principalmente Anaconda). Talvez você precise executar uma função Python em cada pixel de um raster, ou talvez você deseje fazer operações personalizadas que não seriam possíveis em softwares com interfaces gráficas como o QGIS. O Python também pode ser usado para fazer processamento em lotes. Para o processamento de hoje, usaremos o GDAL no Python, instalado através do Conda.